Headlines
Published On:quarta-feira, 3 de abril de 2013
Postado Por José Silva

Cristão morre após ter tratamento médico negado


Um homem morreu na Eritreia por falta de tratamento médico. Diagnosticado com leucemia, Belay Gebrezgi Tekabo não foi atendido pelo hospital da cidade Dekemshare por ser cristão.
O homem de 30 anos estava preso por orar e ler a Bíblia, quando a doença foi diagnosticada a condição para que ele recebesse o tratamento era assinar uma declaração se retratando e negando sua fé em Jesus.
Tekabo é apenas um dos mais de 45 cristãos que são mantidos em circunstâncias terríveis na Eritreia por conta da fé cristã. De acordo com o ministério Portas Abertas há uma campanha financiada pelo governo local para prender cristãos.
Desde 2002 o governo decretou que os grupos religiosos precisam ser registrados para terem autorização de funcionar no país, porém nenhum dos pedidos de registro foi aceito, o que legitima a prisão dos cristãos.
Estima-se que mais de 2.800 pessoas estejam presas apenas por se tornarem cristãs. Só em março foram 17 pessoas presas, elas estavam reunidas na cidade de Keren e foram detidas sem terem a permissão de receber visitas.

Postado Por José Silva quarta-feira, abril 03, 2013. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "Cristão morre após ter tratamento médico negado"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos