Headlines
Published On:quarta-feira, 25 de abril de 2012
Postado Por José Silva

Mas você, seja moderado em todas as situações. (2 Timóteo 4: 5; NTLH).

Esse foi o conselho do Apóstolo Paulo para o jovem pastor Timóteo enfrentar as situações que estavam surgindo no seu ministério de pregador do evangelho. 

Esse conselho, porém, não é somente para aquela situação, mas se aplica a todas as situações e pessoas. A moderação, não há dúvida, é uma fonte de muitas resoluções de problemas.

Atualmente, a compreensão desse ensinamento se manifesta necessário, uma vez que o ser humano nunca esteve tão atarefado. São tantas as funções e atividades que muitos estão numa “corrida atrás do vento”. 

Essas pessoas não estão percebendo o que Bíblia diz sobre o tema. 

É claro que a Palavra de Deus não é contrária a que empenhemos esforços em nossas atividades rotineiras. Em Eclesiastes (9: 10) está escrito: Tudo o que você tiver de fazer faça o melhor que puder, pois no mundo dos mortos não se faz nada, e ali não existe pensamento, nem conhecimento, nem sabedoria. E é para lá que você vai. (NTLH).

A Bíblia nos incentiva a buscar fazer o melhor que pudermos para que a posteridade receba um mundo melhor, pois um dia nós iremos para um mundo em que não serão necessárias mais nossas habilidades humanas.

No entanto, a Palavra Sagrada nos revela que o excesso de trabalho e estudo é prejudicial. Veja o que disse o rei Salomão, o homem mais sábio do mundo:

Apliquei o coração a conhecer a sabedoria e a saber o que é loucura e o que é estultícia; e vim a saber que também isto é correr atrás do vento. Porque na muita sabedoria há muito enfado; e quem aumenta ciência aumenta tristeza. (Eclesiastes 1 : 17, 18; RA).

Filho, há mais uma coisa que eu quero dizer: os livros sempre continuarão a ser escritos; estudar demais cansa a mente. (Eclesiastes 12 : 12; NTLH).

Também descobri por que as pessoas se esforçam tanto para ter sucesso no seu trabalho: é porque elas querem ser mais do que os outros. Mas tudo é ilusão. É tudo como correr atrás do vento. Dizem que só mesmo um louco chegaria ao ponto de cruzar os braços e passar fome até morrer. Pode ser. Mas é melhor ter pouco numa das mãos, com paz de espírito, do que estar sempre com as duas mãos cheias de trabalho, tentando pegar o vento.(Eclesiastes 4: 4-6; NTLH)

Portanto, seja moderado e equilibrado nos seus estudos, trabalho, e demais atividades. Separe um tempo pra cada atividade e não se importe com o ritmo dos demais. Confie no Senhor, faze o bem que Ele te ajudará.

Retirado de:

Postado Por José Silva quarta-feira, abril 25, 2012. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for " "

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos