Headlines
Published On:quinta-feira, 27 de junho de 2013
Postado Por José Silva

Pastor chama de engano igrejas que aceitam a prática homossexual

Em um artigo no blog O Tempora, O Mores, o reverendo Augustus Nicodemus fala sobre as igrejas que aceitam a homossexualidade e diz que na luz da Palavra o sexo é permitido dentro do casamento e entre um homem e uma mulher.
“Desde o Gênesis, passando pela lei e pela trajetória do povo hebreu, até os
evangelhos e as epístolas do Novo Testamento, a tradição bíblica aponta no sentido de que Deus criou homem e mulher com papéis sexuais definidos e complementares do ponto de vista moral”, diz.
O líder presbiteriano lembra que em nenhum momento a Bíblia justifica ou legitima o homossexualismo, nem há referências que “minimize ou neutralize sua caracterização como ato pecaminoso”, o que refuta os ensinamentos das igrejas que aceitam a prática.
“Em nenhum momento, a Palavra de Deus justifica ou legitima um estilo homossexual de vida, como os defensores da chamada “teologia inclusiva” têm tentado fazer”.
Ao falar dessas comunidades cada vez mais comuns no Brasil, Nicodemus diz que os argumentos usados por elas são formulados sem nenhuma sustentação exegética, teológica ou hermenêutica.
Lembrando que nessas igrejas o amor entre dois homens e duas mulheres é aceito simplesmente porque a Bíblia diz que Deus é amor, o reverendo diz que a mesma Escritura diz que Deus é santo e que sua vontade para a sexualidade humana é uma relação heterossexual.
Augustus Nicodemus refuta também a afirmação de que Jesus não falou nada sobre o homossexualismo, dizendo que na época de Jesus a orientação homossexual não era um problema da sociedade judaica.
Já o apóstolo Paulo citou a prática em suas cartas, e como os cristãos acreditam que ele foi usado pelo Espírito Santo para escrever seus ensinamentos, o que ele fala sobre a prática é verdade e determina a conduta da Igreja nos dias atuais.
No artigo o pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil também fala sobre Sodoma e Gomorra, a afirmação falsa de que Davi e Jônatas eram amantes e desmente a história de que João e Jesus tiveram um relacionamento homoafetivo. Ao contrário dos defensores da “teologia inclusiva”, Nicodemus usa citações bíblicas e suas pesquisas como teólogo para dizer que a prática homossexual é condenada pela Bíblia.

Postado Por José Silva quinta-feira, junho 27, 2013. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "Pastor chama de engano igrejas que aceitam a prática homossexual"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos