Headlines
Published On:sexta-feira, 3 de maio de 2013
Postado Por José Silva

Emissoras católicas devem mudar linguagem para atrair o público


Os canais de TV católicos estão interessados em alcançar mais telespectadores e começam a pensar em estratégias para elevar a audiência. Os baixos índices podem estar ligados com a falta de uma linguagem atrativa.
Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, a especialista em comunicação e religião Magali Cunha, da Universidade Metodista, diz que criar uma mensagem que atraia o público é o principal obstáculo das
quatro emissoras católicas que atuam no Brasil.
“Há uma transposição para a TV da linguagem da igreja. Já as pentecostais nasceram midiáticas”, disse.
Realmente a forma como a mensagem é transmitida faz muita diferença, para se ter uma ideia, a emissora de maior sucesso é a Canção Nova, ligada à Renovação Carismática que usa linguagens parecidas com a dos evangélicos.
Outro exemplo de mensagem atrativa são os padres cantores, os mais carismáticos como Padre Marcelo Rossi, Fábio de Melo e outros são os que mais atraem audiência.
Pensando em estratégias para os meios de comunicação, incluindo as redes sociais, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) deve aprovar ainda este ano um Diretório da Comunicação

Postado Por José Silva sexta-feira, maio 03, 2013. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "Emissoras católicas devem mudar linguagem para atrair o público"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos