Headlines
Published On:quinta-feira, 6 de outubro de 2011
Postado Por José Silva

TST determina que 40% do efetivo de cada unidade dos Correios voltem a trabalhar


BRASÍLIA - Em meio ao impasse entre funcionários e direção dos Correios, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), João Orestes Dalazen, acatou parcialmente pedido de liminar da estatal e determinou que sejam mantidos 40% do efetivo em cada unidade. Caso a decisão não seja cumprida, será aplicada uma multa diária de R$ 50 mil aos sindicatos.
O presidente do TST convocou também uma audiência de conciliação entre as partes na sexta-feira para tentar pôr fim à greve, que já dura 23 dias.
Os Correios queriam que a Justiça fixasse um efetivo mínimo de 70%.
A Federações Nacional dos Trabalhadores em Empresas dos Correios e Similares (Fentect) informou oficialmente à estatal que o acordo firmado na terça foi rejeitado por unanimidade. Os 35 sindicatos da categoria decidiram pela continuidade da paralisação.
Um dos pontos de discórdia foi o desconto dos dias parados.
A estatal conta com 110 mil trabalhadores no país, entre funcionários diretos e aqueles contratados por meio de suas franquias.

fonte: o globo

Postado Por José Silva quinta-feira, outubro 06, 2011. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "TST determina que 40% do efetivo de cada unidade dos Correios voltem a trabalhar"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos