Headlines
Published On:domingo, 30 de outubro de 2011
Postado Por José Silva

Atitudes de Fé


(Marcos 2:1-12)
Neste sermão, eu quero começar com algumas perguntas que você deverá responder com sinceridade a você mesmo.
·         O que você tem feito para levar pessoas a conhecerem Jesus?
·         Quais têm sido as suas atitudes para levar as pessoas a conhecerem Jesus?
·         A sua Fé é de que realmente o seu DEUS cura, liberta e salva?

    1-       A atitude dos amigos
A primeira coisa que eu gostaria que todos nós refletíssemos é a atitude desses amigos que andavam com esse paralítico.
Quando Jesus chega em Cafarnaum, ele chega de uma outra maneira, pois naquela cidade ele já não era mais desconhecido. Jesus já era conhecido do povo, pois no capítulo 1 do evangelho de Marcos, a Bíblia relata que Jesus já havia feito milagres naquele lugar, Jesus já havia ensinado ali e as pessoas ficaram maravilhadas pois Ele havia ensinado “como alguém que tem autoridade” e não simplesmente como os mestres da Lei.  Jesus havia expulsado um “espírito imundo” de um homem. E a sua “fama” já se entendia por toda a Galiléia.
Jesus já havia curado a sogra de Simão Pedro, e todo o povo levava até Jesus, doentes e endemoniados, para que Jesus curasse e libertasse a todos.
E é neste contexto que Jesus volta a cidade de Cafarnaum. Então o povo fica sabendo que Jesus está de volta em uma casa e no evangelho de Lucas, o evangelista descreve esse momento dizendo assim:
(Lucas 5:17) - E aconteceu que, num daqueles dias, estava ensinando, e estavam ali assentados fariseus e doutores da lei, que tinham vindo de todas as aldeias da Galiléia, e da Judéia, e de Jerusalém. E a virtude do Senhor estava com ele para curar.
No evangelho de Marcos lemos o seguinte:
(Marcos 2:2) - E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra.
No trecho que lemos no início, o evangelista Marcos nos diz que não havia lugar nem junto a porta, ou seja, havia uma grande multidão ouvindo os ensinamentos de Jesus, tanto pessoas instruídas, como fariseus e mestres, quanto uma multidão que estava ali para ver e ouvir o que Jesus havia de lhes ensinar...
E aí acontece a ATITUDE dos amigos.
Os amigos acreditavam que Jesus poderia curar aquele paralítico e não mediram esforços para que isso acontecesse.
Imaginem uma casa, imaginem uma casa grande, com pé direito alto. Os amigos subindo no telhado, amarrando o paralítico na maca, suspendendo o mesmo até lá em cima do telhado, imaginem vocês o que seria hoje subir uma pessoa que não anda, em um telhado. Eles removeram as telhas, correndo o risco de cair lá de cima, se esforçaram para não cair lá de cima, se seguram agora para baixar o paralítico em frente a Jesus e finalmente descem o amigo na frente de Jesus.
Pensem comigo: “Se esses homens não acreditassem que Jesus poderia curar o paralítico, será que eles teriam tido todo esse trabalho?”
2-       A Fé dos amigos
Irmãos esse pra mim é o ponto chave dessa atitude, a FÉ. Realmente a Fé desses amigos fez que eles tivessem uma atitude que agradou a Jesus. Tanto que está relatado aqui, em 3 dos evangelhos.
A bíblia nos ensina que sem FÉ é impossível agradar a DEUS!
Falando de outro milagre de Jesus, a mulher com o fluxo de sangue...
Essa mulher também enfrenta a multidão, ultrapassa os seus próprios limites e toca em Jesus. Neste momento Jesus se volta aos discípulos e pergunta quem O tocou e os discípulos lhe respondem: Mestre olha a multidão, TODOS te tocaram... mas Ele lhes reponde que alguém O tocou com Fé, pois Dele saiu virtude!
Portanto irmãos quando a nossa FÉ toca em Jesus, Dele sai virtude, Dele sai milagres!!!
Quando o nosso coração tocar o coração de Jesus o milagre vai acontecer, eu creio nisso!!!
Conclusão:
Portando, gostaria de levar a todos a refletir sobre nossas atitudes e nossa FÉ. Tem algumas coisas que tem chamado a minha atenção neste dias e tem me feito refletir sobre como temos “levados pessoas até Jesus”, ou melhor, como NÃO temos levado pessoas a Jesus.
Desistimos de convidar o nosso vizinho para ir a Igreja, pois já o chamamos 2 vezes e ele recusou. Não vamos à terceira vez.
Não visitamos o irmão que não tem vindo a Igreja, porque isso é obrigação da liderança, do Pastor e da Pastora. Não é minha obrigação.
Precisamos refletir: o irmão que um dia me convidou que me trouxe até Jesus, hoje está aqui ao meu lado? Aquela pessoa que insistiu comigo para vir a Igreja está comigo aqui? Se estiver amém, mas se não estiver? Qual a minha responsabilidade sobre a vida dele.
Veja bem irmãos, eu estou pedindo para que a gente reflita e pense sobre uma pessoa...
Quem são os nossos "paralíticos" que devemos nos esforçar para levá-lo até Jesus!
Quando as nossas atitudes deixam tristes os nossos familiares, não fazemos NADA para que estas pessoas vejam o quanto Jesus já mudou a nossa vida através das nossas atitudes, atitudes de perdão, de entrega, de escolhas certas. Perdemos oportunidades de “viver Jesus” no nosso dia-a-dia e com isso deixamos margem para as pessoas dizerem: “Ser crente igual a essa aí, eu não quero”!
As nossas atitudes precisam levar as pessoas até Jesus e não afastá-las de Jesus.
Precisamos unir as nossas atitudes com a nossa FÉ!
Precisamos crer que o nosso DEUS é o DEUS do impossível!! Precisamos verdadeiramente crer que o nosso DEUS transforma, liberta e cura.


Deus abençoe sua vida
Fonte: Missionária Ana Paula Jaber

Postado Por José Silva domingo, outubro 30, 2011. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "Atitudes de Fé"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos