Headlines
Published On:segunda-feira, 23 de julho de 2012
Postado Por José Silva

Russomanno se destaca em segmento evangélico


Na corrida pela Prefeitura de São Paulo, José Serra (PSDB) tem seu melhor desempenho entre os eleitores mais velhos, enquanto Celso Russomanno (PRB), empatado com o tucano em primeiro lugar, se destaca entre os evangélicos pentecostais.

Segundo pesquisa Datafolha publicada no sábado, Serra tem 30% das intenções de voto. Se considerados apenas os eleitores que têm 60 anos ou mais, o tucano vai a 45%.

Já Russomanno, que aparece com 26%, chega a 34% entre os entrevistados que declaram religião evangélica pentecostal -nove pontos a mais que Serra nesse grupo.

A liderança de Serra e Russomanno nesses segmentos conflita com a intenção de ambos de readaptar um pouco a própria imagem.

Serra, o mais velho entre os candidatos a prefeito de São Paulo, com 70 anos, tem tentado combater a ideia de que representaria a velha política na disputa. O tucano até incrementou o guarda-roupa com peças como sapatênis e jeans.

A estratégia também é uma resposta ao marketing do adversário Fernando Haddad (PT), que usa o slogan "o homem novo para um tempo novo".

Russomanno, por sua vez, tenta se dissociar da Igreja Universal, denominação evangélica neopentecostal à qual está ligado o seu partido, o PRB. O candidato até participou de uma série de compromissos públicos para enfatizar que é católico.

Serra ainda se destaca entre os habitantes mais ricos da capital (36% entre os eleitores que ganham mais de dez salários mínimos).

No extremo oposto, o tucano tem seu pior desempenho entre os eleitores que se declaram sem religião. Serra para em 21% nesse grupo.

O segmento mais complicado para Russomanno é o dos mais jovens. Entre os que têm de 16 a 24 anos, o candidato do PRB aparece com 15%.

PELOTÃO DO MEIO

Os candidatos empatados em terceiro lugar também têm variação de desempenho entre os segmentos.

Haddad, que aparece com 7%, vai a 16% entre os espíritas, mas não passa de 4% entre os eleitores mais pobres e os menos escolarizados.

Soninha Francine (PPS), que também tem 7%, se destaca entre os sem religião (chega a 14%), mas apenas 2% dos entrevistados mais velhos pretendem votar nela.

Gabriel Chalita (PMDB) apresenta a maior divisão por gênero entre os candidatos: 70% de seus eleitores são mulheres, e 30%, homens.

O candidato do PDT, Paulinho da Força, vai pior entre os mais escolarizados.

A margem de erro para o total da mostra é de três pontos percentuais. Quando ela é segmentada, os números apontam tendência, mas a margem de erro é maior.

Postado Por José Silva segunda-feira, julho 23, 2012. em . Faça um comentário, que ficaremos felizes! .

0 comentários for "Russomanno se destaca em segmento evangélico"

Leave a reply

Obrigado pelo comentário!
Que Deus lhe abençõe!

Gostou! Curta-nos